terça-feira, 10 de março de 2009

Bacalhau lambão, e a posta á mirandesa

À uns dias, um senhor foi passear o seu cão, para a praia. Segundo ele, andou aos saltos, e foi supostamente assim que perdeu o seu telemóvel celular. No dia seguinte ao desaparecimento do seu NOKIA, a namorada do senhor, recebe uma chamada, mas era engano. Mais tarde volta a receber uma chamada supostamente vinda do seu namorado, mas como ele teria perdido o telemóvel, parece que alguém o havia encontrado. Era um pescador, daquela zona que achou o celular. Onde estava ele? Na areia? Num bar? No bolso do governo? NÃO! O telemóvel, foi encontrado dentro da barriga de um bacalhau. Ao que parece o telemóvel, caiu na água, ou foi arrastado por esta, e depois um belo de um bacalhau tratou de o comer. Segundo o pescador, é uma situação normal, pois os bacalhaus têm a mania de comer tudo que lhes aparece á frente. O pescador contou que já encontrou no interior de bacalhaus, dentaduras, pilhas, espinhas e até filtros de chá.
Perante esta situação estranha o MTPB, tratou de enviar um repórter para o local. Depois de alguns minutos de investigação, o repórter lá encontrou a camioneta para se deslocar à zona do incidente. Em entrevista ao peixe palhaço Roberto, soubemos que o bacalhau foi considerado um Deus, pois produziu músicas como Cars dos Gary Numan, Oops!...I Did It Again da Britney Spears e segundo Roberto a que mais sucesso causou Cinderela de Carlos Paião, música que inspirou Lurdes esposa de Roberto, a fazer um Strogonoff de Plâncton para o jantar. Ainda Roberto, confessou que nunca viu o seu amigo bacalhau tão contente em toda a sua vida, mas aparentemente devido ao vibrador do celular. Infelizmente o bacalhau foi pescado, e a festa acabou.

1 comentário:

Chris disse...

Já estou a imaginar o bacalhau a ter ataques epilépticos devido ao telmóvel que se encontrava dentro de si a vibrar insistentemente. Ou secalhar eram apenas as dentaturas dos humanos a dançarem dentro do peixe ao sabor das suas espinhas.